Conecte-se a nós

Marília Mendonça e Tribo da Periferia se unem em ‘Conspiração’

Foto: Divulgação

MÚSICA

Marília Mendonça e Tribo da Periferia se unem em ‘Conspiração’

Em uma parceria inédita, Tribo da Periferia e Marília Mendonça se uniram para o lançamento de ‘Conspiração”. A música faz parte do álbum ‘5º Último’ do duo de rap de Brasília.

“Sempre gostei do experimental. E como temos uma grande admiração pela Marília, gravar com ela se tornou um sonho! Mandei a música e ela super aceitou!”, conta Duckjay, que assina a composição e produção musical da faixa.

“A música fala sobre a amizade e cumplicidade entre o homem e mulher, que quando se unem, a vida se torna uma festa! A intenção é elevar a autoestima e divertir ao mesmo tempo!”, completa.

Escute:

 

Sobre Tribo de Periferia

Tribo da Periferia é um grupo de rap e hip hop brasiliense que nasceu nas raízes do Distrito Federal em 1998, após o garoto Luiz Fernando Correia da Silva escrever a primeira letra musical de repercussão. Seguindo a tendência dos anos 1990, onde os rappers brasileiros tinham todos nomes em inglês (Mano Brown, Ice Blue, KL Jay) e tendo como inspiração o grupo Duckjam e Nação Hip Hop, Luiz Fernando assumiu o nome artístico de Duckjay.

A formação original do Tribo da Periferia contava com Duckjay e os ex-integrantes Mano Marley e Alisson, que ficaram até o ano 2000. DJ Bola Tribo também teve uma trajetória pelo grupo permanecendo entre 2003 e 2015.

A partir de 2016 o Tribo da Periferia passou a ser formado por Duckjay (que além de cantor é compositor e produtor musical) e Look, nome que Nelcivando Lustosa Rodrigues escolheu para seguir com ele a estrada da música. Os amigos se conheceram em 1998 e a grande sintonia entre os dois foi essencial para que a parceria desse certo.

Em uma época em que o rap sofria discriminação expressiva, até da própria periferia, o Tribo da Periferia tinha que conquistar os fãs no corpo a corpo. Não existia internet, por isso, os músicos dependiam muito das rádios e Djs para tocar as músicas nas festas. Havia dificuldades para se ter acesso a um estúdio, eles não eram vinculados a uma grande gravadora e a situação financeira dos integrantes também era um problema.

Mesmo com todas as dificuldades, em 2002, o Tribo lançou o primeiro álbum: “Verdadeiro Brasileiro”. Com 12 músicas e poucos recursos, o trabalho de estreia do grupo atingiu fama regional com letras que falavam sobre amor, fé, coragem, futuro, sonhos e representatividade temática. Em 2003, com o single “Carro de Malandro”, o Tribo teve o primeiro sucesso nacional. A faixa entrou no álbum “Tudo Nosso” de 2005. Em 2008 Duckjay foi indicado ao prêmio Hutiz como melhor produtor musical do Brasil.

A partir de 2011 o Tribo da Periferia passou a intitular seus álbuns como “1º Último”, lançado no mesmo ano, “2º Último”, de 2013, “3º Último”, de 2014, “4º Último” de 2016 e “5º Último”, trabalho atual que possui 8 faixas lançadas. Em 2016 o Tribo ganhou o prêmio Palco Mp3 como o artista mais acessado na categoria Rap/Hip Hop. No mesmo ano o grupo foi convidado para cantar no show de Marília Mendonça no Festeja Goiânia. No palco da capital do sertanejo, Duckjay e Look viram uma multidão cantando com eles.

Já com o mercado musical totalmente diferente devido à revolução digital, o canal oficial do grupo no YouTube, criado em 2014, ganhava cada vez mais inscritos. Com o surgimento de diferentes plataformas, os artistas passaram a não ser mais reféns da situação financeira e compartilhar novas músicas e projetos tornou-se acessível para todos.

O Tribo da Periferia, que se destaca pela inovação e criatividade em suas composições, utiliza essas mesmas características em seus videoclipes. Este é um dos motivos do canal no YouTube ser um sucesso.

 

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais sobre MÚSICA

PUBLICIDADE